Páginas

domingo, 29 de novembro de 2015

Novembro Azul

          Bom dia com um belo sol, vou começar a me dedicar um pouco mais ao blog, trazendo para vocês um pouco mais sobre saúde, bem - estar até concluir meu próximo projeto sobre saúde.
     Como todo sabe novembro é aquele mês dedicado aos homens, ao cuidado com a saúde já que são tão negligentes quando se trata do próprio bem - estar.



   O mês de novembro é todo dedicado aos  homens para alerta sobre o Câncer de Próstata, é uma doença que atinge em maior escala até que o próprio câncer de mamas nas mulheres, isso se da devido a alguns fatores dentre eles: falta de informação e preconceito ao exame de toque, que é tão simples e rápido, contudo no Brasil homem que é homem não precisa desse tipo de exame que já é chamado vulgarmente de " viadinho ". Os homens precisam entender que é melhor ser chamado de " viadinho " do que perde o melhor da vida, curti a família, os amigos e os momentos, lembrando que a chance de cura quando diagnosticado cedo é alto.
    Então vamos la, quem deve fazer o exame: homens com idade entre 40 e 45 anos e para aqueles com casos na família a parti dos 35 anos, procura o urologista para realizar exames do sistema reprodutor masculino, exames laboratoriais, existem literaturas que divergem nas idades, o que importa é o cuidado é se prevenir.
     Outra questão o exame de toque retal é a única forma de diagnosticar o câncer? Não, ele deve ser feito juntamente com o exame laboratorial PSA ( Prostate Specific Antigen ), que é uma ultrassonografia da próstata, ambos se completam.
    Principais sinais e sintomas: desconforto ao urinar, aumento da frequência urinaria principalmente pela noite, jato de urina mais fracos, em alguns casos pode apresentar dores e quando já está em está avançado, sangramento ao urinar.
    Tratamento vai depender do estágio que está a sua doença de acordo com o Instituto Nacional do Câncer, o órgão do Ministério da Saúde do Brasil: se for localizada, vai ser feito alguns tipos de cirurgia, radioterapia e ficar em observação constante; para aquelas em grau avançado, recomenda-se radioterapia aliada a cirurgia e combinação hormonal; quando em estado de metastática, quando o tumor se espalhou para outras partes do corpo o mais recomendado é terapia hormonal, vale ressaltar que todos os tipos de tratamento vai ser de acordo com o paciente e seu médico.





Fonte: INCA 




                                            Por Raquel Bianca